Ir para Conteúdo

Notícias

Simulacro prepara serviços para eventual atividade sísmica
10 nov '21 | Diversos
Simulacro prepara serviços para eventual atividade sísmica
Iniciativa ‘A Terra Treme’ é promovida anualmente pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil e visa capacitar a população para saber como agir antes, durante e depois de um sismo.   A Câmara Municipal de Arronches aderiu uma vez mais ao exercício público nacional de sensibilização para o risco sísmico, denominado ‘A Terra Treme’, promovido uma vez mais e pelo nono ano consecutivo pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, com o objetivo de capacitar a população para saber como agir antes, durante e depois de um sismo, sensibilizando o cidadão para o facto de viver numa sociedade de risco e desafiando-o a envolver-se no processo de construção de comunidades mais seguras e resilientes a catástrofes. Assim, na passada sexta-feira, dia 5 de novembro, Dia Mundial de Sensibilização para o Risco de Tsunami, efeméride instituída pela ONU, os serviços municipais testaram a sua capacidade de reação, praticando todos os procedimentos a adotar em caso de emergência por atividade sísmica, nomeadamente os três passos de autoproteção: baixar, proteger e aguardar. De seguida, os colaboradores da autarquia procederam então à segura evacuação do edifício dos Paços do Concelho. Além da Câmara Municipal, também aderiram a esta iniciativa outras instituições do concelho, com destaque para o Agrupamento de Escolas de Arronches que, com a colaboração do Serviço Municipal de Proteção Civil, da corporação dos Bombeiros Voluntários de Arronches e do Posto Territorial de Arronches da Guarda Nacional Republicana, voltou a realizar um exercício com alguma dimensão, que além dos alunos, envolveu também o pessoal docente e não docente.
“A Terra Treme” no próximo dia 5 de novembro
28 out '21 | Diversos
“A Terra Treme” no próximo dia 5 de novembro
Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil convida instituições e população em geral a participar nesta iniciativa que promove anualmente.   Numa iniciativa que se repete pelo nono ano consecutivo, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil vai promover no próximo dia 5 de novembro, às 11H05, o exercício público nacional de sensibilização para o risco sísmico, denominado ‘A Terra Treme’. Agendada para o Dia Mundial de Sensibilização para o Risco de Tsunami, efeméride instituída pela ONU, esta iniciativa insere-se nas atividades integrantes da Estratégia Nacional para uma Proteção Civil Preventiva e visa capacitar a população para saber como agir antes, durante e depois de um sismo, sensibilizando o cidadão para o facto de viver numa sociedade de risco, e desafiando-o a envolver-se no processo de construção de comunidades mais seguras e resilientes a catástrofes. O exercício propriamente dito compreende a prática de 3 gestos simples que podem fazer a diferença a quem os praticar perante a ocorrência de um sismo. A ação desenrola-se durante um minuto, no qual os participantes, individualmente ou coletivamente são convidados a executar os três gestos de autoproteção: Baixar – Proteger – Aguardar. A participação no Exercício pode revestir múltiplas formas:
  • A promoção da resposta a um inquérito (aos trabalhadores/colaboradores) que visa aferir o grau perceção do risco sísmico (www.aterratreme.pt/inquérito);
  • A realização de uma sessão de esclarecimento interna (para os trabalhadores/colaboradores) dedicada à explicação das medidas preventivas e dos comportamentos de autoproteção a adotar nas nossas casas e nos locais de trabalho;
  • A divulgação na página Institucional e noutros suportes digitais, do envolvimento e participação da Instituição na iniciativa;
  • A disseminação através do correio eletrónico interno por todos os trabalhadores/colaboradores de informação sobre medidas preventivas e comportamentos de autoproteção a adotar em caso de sismo/tsunami;
  • A inscrição individual e/ou da Instituição no sítio digital www.aterratreme.pt;
  • A revisitação dos procedimentos preventivos e de emergência para fazer face a um evento de sismo e/ou tsunami,
  • A realização de um exercício de teste à evacuação por ocasião de 5-11-2021, data escolhida para a realização do Exercício ‘A Terra Treme’, e quer dinamizando outras ações que possam enriquecer a agenda da iniciativa.
‘A Terra Treme’ tem um website dedicado (www.aterratreme.pt), que disponibiliza informação sobre o Exercício e recursos de divulgação. A ANEPC convida, assim, os cidadãos e as Entidades a inscreverem-se em www.aterratreme.pt e a participarem como demonstração do seu compromisso pessoal/institucional para com a causa da proteção e segurança, e como forma de apoio e expressão pública do seu envolvimento no Exercício ‘A Terra Treme’.
Estela encontrada no concelho de Arronches
02 set '21 | Diversos
Estela encontrada no concelho de Arronches
Proprietários do Monte do Rebôlo entraram em contacto com o Município depois da descoberta de uma estátua-menir antropomórfica.   Na área do concelho de Arronches têm sido descobertos, ao longo dos anos, valiosos artefactos com milhares de anos de existência. Nos anos mais recentes foi encontrada uma lápide votiva do séc. I a.C. no Monte do Coelho, que se juntou ao património existente na freguesia de Esperança, com destaque para as pinturas rupestres visitáveis na Lapa dos Gaivões ou para os diversos povoados, grutas, igrejas, antas ou abrigos constantes naquele terreno, no qual foi igualmente encontrada, pelo arqueólogo Henri Breuil, a estela antropomórfica de Nossa Senhora de Esperança, em 1917. Voltando ao período atual, foi recentemente descoberta no Monte do Rebôlo, pelos proprietários do terreno, uma estátua-menir antropomórfica, que, após uma primeira observação efetuada por um arqueólogo especializado no assunto, se julga ser da Idade do Bronze, à semelhança da que foi encontrada em Esperança no início do século passado. Os proprietários do Monte do Rebôlo entraram em contacto com o Município de Arronches, no sentido de doar o referido artefacto à autarquia para que possa estar disponível para ser apreciado por toda a população, existindo da parte da Câmara Municipal todo o interesse em colocar a estela em exposição num dos núcleos museológicos do concelho. O Município de Arronches está naturalmente satisfeito com mais esta descoberta efetuada na área do concelho, ciente de que trará ainda mais notoriedade a esta região e já encetou contactos com uma instituição de ensino superior, tendo em vista o estudo do objeto agora encontrado.
Município adquire carrinha para transporte de mercadorias
29 jul '21 | Diversos
Município adquire carrinha para transporte de mercadorias
Continuando a dotar os serviços municipais com as melhores condições para servir a população, autarquia avançou para a aquisição de um novo veículo automóvel.   Com o intuito de oferecer as melhores condições possíveis aos serviços municipais, sempre numa perspetiva de servir a população do concelho com a qualidade que esta merece, a Câmara Municipal de Arronches tem vindo gradualmente a renovar a sua frota automóvel. Nesse sentido, depois de, ao longo dos últimos anos, a autarquia ter adquirido autocarros e carrinhas com características muito particulares indicadas para o transporte escolar, tratores para tratamento de terrenos, novos veículos para recolha de resíduos ou, mais recentemente, ter avançado para aquisição de uma retroescavadora e de uma varredora, desta feita, o Município de Arronches está a partir desta manhã equipado com uma nova carrinha para transporte de mercadorias. A viatura foi entregue nesta quinta-feira, dia 29 de julho, junto aos Paços do Concelho, ao executivo municipal, representado pelo vice-presidente João Crespo e pelos vereadores Paulo Furtado e Nelson Velez por parte do técnico da ‘Multiribeiro 2 – Comércio de Veículos Automóveis, Unipessoal, Lda.’, Hugo Grilo. Trata-se de uma Ford Transit Courier de dois lugares com 75 cv e uma cilindrada de 1499 cc e um volume máximo de carga de 2.6 m³. Importa referir que, na aquisição deste automóvel, o Município de Arronches investiu um valor total de 14.600,00€.